11
Abr 07

O calendário islâmico é baseado nos meses lunares, que começam quando uma tênue lua nova é percebida no céu ocidental depois do pôr-do-sol, um dia ou dois após a Lua Nova. Por isto, o mês pode  ter 29 ou 30 dias. Existem 12 meses no calendário islâmico, e o ano pode durar 354 ou 355 dias, comparado ao calendário civil (gregoriano),  onde o ano tem 365 ou 366 dias. Portanto, o ano lunar islâmico tem 12 meses lunares e, na média, é mais curto 11 dias do que o ano civil (gregoriano) e se inicia mais cedo em cada ano civil cerca de 11 dias. Os 12 meses do calendário islâmico são:

Os meses do calendário Isslâmico são:

1º Muharram
2º Safar
3º Rabei al-awal
4º Rabi al-thani
5º Yumada al-ula
6º Yumada al-thaniyah
7º Rajab
8º Shabán
9º Ramadán
10º Shawwal
11º Dhul Qhada
12º Dhul Hijjah


No calendário islâmico (Hégira) usa-se normalmente a abreviatura D.H. nas línguas ocidentais, que é derivado do latim "Anno Hegirae", ou mais comumente como "Depois da Hégira", tal como o calendário gregoriano que se utiliza D.C e A.C.

Foi durante a última peregrinação do Mensageiro Mohammad (saw), no ano 10 da Hégira (10° ano de sua migração de Meca para Medina), que foi tomada a decisão de introduzir o calendário islâmico lunar. A palavra Hijrah (Hégira) foi muitas vezes mal interpretada por vários escritores muçulmanos e não muçulmanos. Não significa fuga ou evasão. O termo árabe Hajara quer dizer romper relações ou abandonar sua própria tribo.

Embora o calendário islâmico tenha sido introduzido no ano de 632 da era cristã pelo Mensageiro Mohammad (saw), o início da era islâmica para o cômputo dos anos islâmicos foi considerado e discutido durante o ano de 639, no 4° ano do Califado de Omar, que declarou que o acontecimento mais importante no estabelecimento das raízes do Isão em Medina tinha sido a Hégira (a migração do Mensageiro de Meca), e por isso transformou-se no início da era islâmica, que começou em 622 d.C. A data de início para o Calendário Islâmico foi escolhida (com base nos anos lunares, contando-se para trás) como sendo o primeiro dia do primeiro mês (1° do Muharram) do ano da Hégira. No entanto, o período entre o 1° ano e o 10° da Hégira não seguiu este Calendário Islâmico; em seu lugar prevaleceram as práticas de vários tipos de intercalação que eram seguidas na Arábia daquele tempo. As diversas tribos seguiam diferentes intercalações, assim não havia um calendário uniforme. Por conseguinte, o primeiro dia do Muharram, ano 1 da Hégira, conforme praticado na Arábia correspondia ou a 18 de abril ou 18 de maio de 622 (do calendário juliano). Mas, se quisermos uma data teórica para o início do calendário islâmico (com base nos meses lunares sem intercalação, contando-se para trás), então o primeiro dia do primeiro mês, isto é, 1° do Muharram, do ano 1 da Hégira, corresponde a 16 de julho de 622 d.C.

O primeiro calendário islâmico pelo qual a data do calendário juliano é conhecida de modo exato é o 9° do Dhu al-Hijjah, ano 10 da Hégira, que corresponde a 6 de março de 632 d.C (sexta-feira), quando o Mensageiro Mohammad (saw) fez a sua peregrinação de despedida a Meca.

 

Islamnet / Islamemlinha

 

Na barra lateral pode ver a data de hoje no calendário islâmico e também as orações de hoje.

 

Salams


Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
pesquisar
 
blogs SAPO