20
Abr 07

O Presidente George W. Bush afirmou hoje que o seu novo plano para o Iraque prepara-se para dar resultados e que a guerra começa a tomar um novo rumo apesar dos “actos terríveis” que continuam a registar-se naquele país, onde anteontem pelo menos 190 pessoas morreram na explosão de seis viaturas armadilhadas em diferentes bairros de Bagdad.

“Existem todos os dias ataques terríveis no Iraque, como os atentados bombistas de quarta-feira em Bagdad, mas o curso do combate começa a mudar”, disse Bush num discurso em East Grand Rapids, no Michigan, norte dos Estados Unidos, um dia depois de um dos seus principais adversários democratas ter defendido que a “guerra está perdida”.

O Presidente sublinhou que é necessário esperar para julgar o plano anunciado em Janeiro, que decidia o reforço do número de militares norte-americanos em território iraquiano. “Mas as primeiras indicações começam a aparecer e mostram que a operação responde às expectativas previstas até aqui”, continuou Bush.

Ontem, o líder da maioria democrata no Congresso dos Estados Unidos, Harry Reid, considerou que o envio de 30 mil soldados suplementares para o Iraque “não alcançará nada, como mostra a violência extrema que vimos esta semana”.

A nova estratégia de Bush, bem como o financiamento da guerra, estão na origem do braço-de-ferro político em curso nos Estados Unidos entre o Presidente e os seus adversários democratas, em maioria no Congresso desde Janeiro.

Público.pt


Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Abril 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
14

15
16
19
21

22
25
26
27

29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
pesquisar
 
blogs SAPO