23
Mar 07

Abu Al Hasan Ali Bin Sahl Rabban Al Tabari

 

Al Tabari

 

Este Hakim era o tutor do médico Zakariya Al Razi, a sorte favoreceu o seu discípulo, mais do que o professor nos termos de celebridade, em comparação a Razi os povos sabem muito pouco sobre seu professor Ali.

O sobrenome de Rabban mais conhecido como Ali era Abu Al Hasan, o seu nome completa era Abu Al Hasan Ali Bin Sahl Rabban Al Tabari, nasceu em 838, seu pai Sahl era de uma respeitável família judia.

O notabilidade e a simpatia inerentes em sua natureza, fez com que ele conquistasse um grande respeito entre os seus compatriotas, sendo que assim começaram a lhe chamar de Rabban que significa " meu líder ".

Profissionalmente seu pai Sahl era um médico extremamente bem sucedido, foi um especialista na arte da caligrafia, além disso teve uma contribuição profunda nas disciplinas da astronomia, da filosofia, da matemática e da literatura.

Alguns artigos do livro Al Mijasti de Batlemus vieram a ser resolvidos, com a perícia dos estudos de Sahl, tradutores que o precedem, ainda não tinham resolvido o mistério.

Al Tabari recebeu sua instrução nas disciplinas da ciência e da caligrafia, e os ensinos da medicina, aprendeu de seu pai Sahl, sendo que desta maneira alcançou a perfeição nestes campos, tinha o domínio a língua Síria e da Grega, o que o ajudou a aumentar ainda mais os seus conhecimentos.

Al Tabari descendia de uma família de Israelitas, desde que abraçou o Islam, é classificado como um dos maiores cientistas da história do Islam.

Uma de suas obras Firdous Al Hikmat, está divido em sete partes, Firdous Al Hikmat é a primeira enciclopédia, em que um médico incorpora todas as filiais da ciência médica em suas páginas.

Este trabalho foi publicado somente neste século (XX), antes desta publicação somente cinco de seus manuscritos, eram encontrados dispersadamente nas bibliotecas do mundo.

O Dr. Muhammad Zubair Siddiqui comparou e editou os manuscritos, em seu prefácio forneceu informações extremamente úteis a respeito do livro e as notas do autor.

Mais tarde este trabalho original foi publicado com a cooperação de instituições inglesas e alemãs.

A seguir a obra de Al Tabari em sete partes:

1. Parte: Kulliyat-i-Tibb; esta parte joga a luz da ideologia contemporânea da ciência médica, foram estes princípios que deram forma à base da ciência médica.
2. Parte: Elucidação dos órgãos do corpo humano, regras para manter uma boa saúde, e um trabalho clínico detalhado de determinadas doenças musculares.
3. Parte três: Descrição do exame da dieta a ser feita em condições de saúde e de doença.
4. Parte: Todas as doenças da cabeça aos pés. Esta parte é de um significado profundo, o livro inteiro esta dividido em 12 partes:

  1. causas gerais que relacionam-se a erupção das doenças;
  2. doenças da cabeça e as doenças do cérebro;
  3. doenças relacionadas ao olho, ao nariz, a orelha, a boca e aos dentes;
  4. doenças musculares, paralisia e espasmo;
  5. doenças das regiões da caixa torácica, da garganta e dos pulmões;
  6. doenças do abdômen;
  7. doenças do fígado
  8. doenças dos rins e do coração.
  9. doenças intestinais;
  10. tipos diferentes de febre;
  11. doenças variadas; explanação breve dos órgãos e do exame do corpo humano
  12. doenças do pulso e da urina, esta parte é a maior do livro e compreende quase que a metade do livro.

5. Parte: Descrição do sabor, do gosto e da cor.
6. Parte: Drogas e venenos.
7. Parte sete: Sobre tópicos diversos, discute o clima e a astronomia, contém também uma breve menção sobre a medicina Indiana.

Embora tenha escrito Firdous Al Hikmat em árabe, ele também traduziu-o simultaneamente em Sírio.

Há outras duas mais compilações suas, Din-u-Doulat e Hifdh Al Sihhat, este último está disponível em um manuscrito na biblioteca da universidade de Oxford.

Além da ciência médica, era também um mestre da filosofia, da matemática e da astronomia, Al Tabari morreu por volta de 870.


Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Março 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16
17




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
pesquisar
 
blogs SAPO