18
Nov 07
O ciclone Sidr terá feito entre cinco mil e dez mil mortos no Bangladesh, segundo o presidente do Crescente-Vermelho no país.

"O balanço é já de três mil mortos confirmados", declarou Abdur Rab à Agência France Presse. Este balanço "pode ultrapassar os cinco mil mortos, mas deverá rondar os dez mil", acrescentou.


 



O balanço oficial provisório divulgado hoje pelo governo é de 2217, embora as autoridades reconheçam que o número de vítimas deverá aumentar.


O ciclone Sidr atingiu o sul do Bangladesh na passada quinta-feira com ventos na ordem dos 240 quilómetros por hora e chuvas torrenciais.


 


17
Nov 07
Bangladesh Cyclone Death Toll Will Exceed 1,000 (Update1)


Nov. 17 (Bloomberg) -- Bangladeshi officials say more than 1,000 people may be dead after Tropical Cyclone Sidr flattened homes and flooded low-lying regions in the nation's southwest.

The official toll from the storm stands at 612 and ``will rise today because information from 20 districts is expected,'' said Mohammad Abu Sadeque, a director at country's Disaster Management Bureau. Thousands more bodies may be found in coming days, Agence France-Presse reported, citing bureau deputy head Shekhar Chandra Das in the capital, Dhaka.

The cyclone, with 250-kilometer-an hour (155 mile) winds, swept in from the Bay of Bengal, crossing the Khulna-Barisal coast late Nov. 15 before weakening as it moved inland toward northeast India. Power has been restored in Dhaka, the capital, though telecommunications links with some districts remain cut and many roads and bridges have been destroyed, Sadeque said.

The Rome-based World Food Program is rushing food to Bangladesh and the UN is prepared to make several million dollars available to the government from its emergency relief fund. The European Union released 1.5 million euros ($2.2 million) in relief aid for Bangladesh, commission spokesman John Clancy said yesterday.

Two U.S. Navy amphibious assault ships, the USS Essex and USS Kearsarge, each carrying helicopters, hovercraft and equipped with hospital facilities, have been dispatched, pending a formal request for help from the Bangladesh authorities, said Major David Griesmer, spokesman for the U.S. Pacific Command in Hawaii. More ships may be made available once Bangladeshi officials know what they need, he said.

Capability

The two vessels have ``the capabilities that we think will prove to be the most useful,'' he said. ``It may take several days for the government to work out what it really needs.''

In the hardest-hit areas along the coast, more than 20,000 homes were destroyed, the UN said. About 3.2 million people fled to higher ground or went to shelters.

``Damage will be extremely severe,'' John Holmes, the UN's coordinator of emergency relief, told reporters in New York yesterday. ``The entire country has been affected. The main needs will be for food, shelter and health care.''

Bangladesh and northeastern India are regularly hit by cyclones that form in the bay, bringing flooding and devastation to local communities.

Warning systems and shelters built since then should have limited casualties from Sidr, similar in strength to a 1991 cyclone estimated to have killed 138,000 people, AFP said, citing Samarendra Karmakar, head of the Bangladesh Meteorological Department.

Storm Surge

Sidr brought a storm surge as high as 6 meters (20 feet) to one of the most low-lying areas on the planet. The storm was 500 kilometers wide before coming to shore.

U.S. and other foreign organizations that have worked on relief projects for years in Bangladesh moved about 30,000 emergency survival packs into areas facing the cyclone before it arrived, the State Department said in a statement.

``We're ready to work with the government and foreign donors to assist in relieving the effects of the disaster,'' State Department spokesman Sean McCormack told reporters in Washington yesterday. ``We're now working with the Bangladeshi government to assess what the needs are.''


http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=20601087&sid=agXYVZSajDVM&refer=home


 

As notícias em Português:


http://news.google.pt/news?hl=pt-PT&lr=lang_en&oe=UTF-8&um=1&ie=UTF-8&tab=wn&q=1000+mortos+bangladesh&btnG=Pesquisar+not%C3%ADcias

 

Salams,

Esta é a notícia avançada pela Bloomberg, todavia o que mais me impressiona é o facto das nossas televisões portuguesas não terem feito grande caso sobre este assunto. Tenho a certeza que seria tudo diferente se isto tivesse  acontecido num dos países desenvolvidos. Parece que existe uma ignorância perante tudo o que acontece lá, parece que os seres de lá são inferiores aos de cá. Parece que não existe liberdade, não existe igualdade. Enquanto que um acontecimento deste género ficaria para a história se fosse aqui em Portugal, Espanha, ou França...Não deveria ser assim também neste caso?

Eu deveria mesmo falar em "deficiência na informação".

------

Espero que o número de mortes não se agrave muito mais. Acho que se vive ma autêntica crise humanitária e de fome neste país. Esperemos que as ajudas cheguem o mais rapidamente possível.

Salams, IslamNET.eu


14
Nov 07

13
Nov 07
Salams,

Este site aqui, mostra como é dividida a predominância do islão pelo mundo inteiro, deste a Ásia até à Europa, desde a China até Portugal.

Salams, IslamNEt.eu



source:

http://1muslimnation.wordpress.com/

11
Nov 07
É, pela primera vez, que um soberano saudita se reune com o Chefe da Igreja Católica.

O rei da Arabia Saudita foi recebido (6/11/07) no Vaticano pelo papa Benedicto XVI, nuna reunião histórica durante a qual se pronunciaram a favor de una "solução justa" dos conflitos no Médio Oriente. É, pela primeira vez, que um soberano saudita se reune com o chefe da Igreja católica.


Durante o encontro, que durou meia hora, os dois "trocaram ideias sobre o Médio Oriente e sobre a necessidade de encontrar uma solução justa em relação aos conflitos que afectan a região, em particular o conflito israelo-palestiniano", indicou num comunicado o Vaticano.

O papa e o monarca saudíta "renovaram o seu compromisso a favor do diálogo intercultural e interreligioso cujo objectivo é a convivência frutuosa e pacífica entre os homens e os povos", sustem a nota da Santa Sé.

Os dois reconheceram "a importância da cooperação entre os Cristãos, Muçulmanos e Judeus para la promoção de paz, da justiça e dos valores espirituais e morais", precisou o comunicado.

No fim do encontro, o rei Abdallah bin Abdelaziz ofereceu ao papa uma espada em ouro com pedras incrustadas e uma pequena escultura em ouro e prata de um camelo e uma palmeira.

Por sua parte, o pontífice ofereceu uma gravura do século XVI do Vaticano bem como as tradicionais medalhas do pontificado.

Depois do encontro com o papa, o monarca saudita foi recebido pelo número dois do Vaticano, cardeal Tarcisio Bertone, Secretário de Estado da Santa Sé.

O rei de Arabia Saudita reuniu-se depois com o chefe de governo italiano Romano Prodi e vários dirigentes da União Europeia envolvidos na busca de uma solução pacífica para o conflito no Médio Oriente.

A audiência concedida pelo papa ao monarca saudita, guardião das Duas Mesquitas Sagradas, foi considerada como histórica, já que a Santa Sé e a Arábia Saudita, país cuja população é oficialmente muçulmana, não mantêm relações diplomáticas.

fonte: http://myciw.org/modules.php?name=Forums&file=viewtopic&p=7596#7596

site: http://myciw.org/

fonte principal:
elheraldo.hn


10
Nov 07
 


Salams,

Hoje, deixo-vos uns ficheiros em formato PDF, que mostram o Dubai antigo e o dubai de hoje, que mostram o que mudou, o que existe agora, como foi possível. E mostram também fotografias dos locais mais paradisíacos do Dubai.

Fica aqui os PDF's que podem ser baixados em formato word, pps, media player, etc.





08
Nov 07
"As pessoas no passado estudavam para se melhorarem a si próprias como pessoas
Hoje estudamos para impressionar os outros"


07
Nov 07
Salams,

Regressamos ao nosso dossier e regressamos ao Dubai e ás suas novas ilhas que têm gerado um reconhecimento mundial pela sua maravilha e engenho na construção desafiando todos os limites lógicos.

Fica um vídeo da muxlim.tv acerca deste tema.

Salams, IslamNET.eu

Novembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
15
16

20
21
22
23

26
27
28


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
pesquisar
 
blogs SAPO